25 de jun de 2015

Acadêmicos de Letras do DARCY RIBEIRO/UEMA de Zé Doca realizam evento de Língua Portuguesa

O projeto intitulado "Muito além da Língua Portuguesa: por uma sociedade sem preconceito linguístico" foi desenvolvido no polo de Zé Doca pelos acadêmicos do Curso de Letras. O referente trabalho teve como orientadora a professora Hérica Romena do Carmo, ministrante da disciplina Língua Portuguesa no Mundo e foi realizado com alunos do Ensino Médio do Centro de Ensino Bandeirantes.
O evento teve como objetivo geral: Valorizar os diferentes dialetos da Língua Portuguesa do Brasil, através de ações educativas que focalizam o ensino da Sociolinguística na sala de aula, apresentando ainda, formas e maneiras mais dinâmicas e contextualizadas relacionadas ao ensino da Língua. A socialização das atividades promovidas em sala de aula, oportunizou aos partícipes das oficinas, alunos do Ensino Médio do Centro de Ensino Bandeirantes, maior desenvoltura no momento em que se defrontam com os desafios que a Língua Portuguesa lhes apresenta.
Segundo as discussões realizadas em sala de aula sobre a Sociolinguística, os acadêmicos revelaram que essas possibilidades linguísticas estão presentes no dia-a-dia de estudantes e professores nas escolas e na comunidade, dessa forma, é impossível renegar toda essa diversidade dialetal. A questão do ensino da língua deve levar em conta a valorização das possibilidades dos falares existentes, uma vez que ainda são vistos como atos errôneos na sociedade brasileira.  Nessa ótica, é preciso contribuir para o conhecimento dos diferentes dialetos brasileiros nas aulas de Língua Portuguesa, sem partir para o cômico e para o irônico ao citar o falar específico de cada região e de cada indivíduo especificamente.
Para a professora Hérica Romano, ser o docente de Língua Portuguesa é muito importante junto ao ensino da língua, uma vez que deve servir de modelo ao apresentar questões concernentes à origem do idioma, e tende a ser relevante ao aprendizado de outras temáticas que giram em torno do ensino do nosso vocabulário. O estudo da língua desde a sua origem e evolução é muito importante para o processo de ensino aprendizagem da Língua Portuguesa na sala de aula. Saber a origem das palavras, e as formas com que chegaram ao nosso idioma facilita a compreensão de diversas temáticas propostas na escola, ainda ameniza a problemática que é o preconceito linguístico por parte de alunos e professores, uma vez que no Brasil, os dialetos tendem a crescer cada vez mais.  
Fonte: DARCY RIBEIRO
A seguir, confira fotos do evento:


 

23 de jun de 2015

Literatura Brasileira das origens ao Romantismo: Exposição Artística



A disciplina de Literatura Brasileira das origens ao Romantismo, ministrada pela professora Isabela Kelly para o curso de Letras do Polo Zé Doca teve como objetivo compreender o texto literário a partir do contexto que o gerou e sua ligação com outras manifestações artísticas do mesmo período, localizando no tempo e no espaço as diversas Escolas literárias das eras Colonial e Nacional, destacando o Quinhentismo, Barroco, Arcadismo e Romantismo.

Para tal concretização da disciplina foi realizada uma exposição artística, nas dependências do CESZD que contou com a participação da comunidade acadêmica presente no polo, onde os alunos fizeram apresentações solo, demonstrações, interpretações artísticas e literárias como outras formas de arte como pinturas, teatro e comidas típicas.

O momento foi de descontração e satisfação para todos os presentes no evento, uma vez que vivenciaram a Literatura Brasileira propriamente dita através de uma forma acolhedora e esclarecida.



5 de nov de 2014

Acadêmicos de Letras / Programa Darcy Ribeiro



A Semana Nacional de Ciências e Tecnologia realizada dias 29 e 30 de outubro de 2014 em Zé Doca-MA, contou com a participação dos alunos do IFMA, UEMA e comunidade em geral. O objetivo deste encontro foi favorecer toda sociedade de Zé Doca a um nível de conhecimento em suas dimensões Científica, Política e Cultural. A participação dos Acadêmicos do Curso de Letras do Centro de Estudos Superiores de Zé Doca, mais especificamente Alunos do Programa Darcy Ribeiro, teve como foco principal divulgar, ampliar e dar visibilidade a todos os visitantes sobre a importância da Literatura de Cordel, considerando as progressivas mudanças da sociedade em seu novo dinamismo social e acreditando que as rimas da Literatura, ainda hoje pode atingir um grande contingente escolar, proporcionando para os alunos  uma leitura rica e prazerosa.









Fonte: CESZD/UEMA

13 de out de 2014

UEMA ABRE PARA ZÉ DOCA DOIS CURSOS DE NÍVEL TÉCNICO (Informática e Serviços Públicos)

A Universidade Estadual do Maranhão (Uema), por meio do Núcleo de Tecnologias para Educação (UemaNet), lança edital para o Processo Seletivo Simplificado de Acesso aos Cursos de Educação Profissional Técnica de Nível Médio, forma subsequente, na modalidade a distância (PACEP) 2014.
No ano de 2012, a Uema iniciou a oferta de cursos técnicos de nível médio, resultantes de um acordo de parceria com o Ministério da Educação, através da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. A Instituição iniciou com 13 cursos técnicos, na modalidade a distância. Além do MEC, a Uema estabeleceu parceria com a Secretaria de Estado, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – Sectec/ Programa Maranhão Profissional, com vistas a ampliar a formação de profissionais para atender a demanda do mercado de trabalho.
“A iniciativa da Uema com a promoção dos cursos técnicos, intermediados pelo UemaNet, traduz o seu compromisso com a formação de profissionais, gerando novas competências técnicas, em interação com uma base científica sólida, capaz de oportunizar trabalho, renda e empreendimentos, bem como a disseminação de conhecimentos tecnológicos em prol do desenvolvimento econômico e social do Estado do Maranhão”, explica a coordenadora geral do UemaNet, Ilka Serra.
Serão ofertadas 2.700 mil vagas para o ano de 2015, distribuídas em 22 polos de apoio presencial. São eles: Açailândia, Anajatuba, Balsas, Cajapió, Carolina, Codó, Colinas, Coroatá, Godofredo Viana, Imperatriz, Pinheiro, Presidente Dutra, São João dos Patos, Santo Antonio dos Lopes, Santa Inês, Viana, Zé Doca, Carutapera, Lago da Pedra e São Luís (3 polos).
Os interessados terão a opção de 8 cursos técnicos: Controle Ambiental, Redes de Computadores, Alimentos, Informática, Guia de Turismo, Segurança do Trabalho, Serviços Públicos e o mais novo curso: Mineração.
“Há uma falta enorme de profissionais no setor de mineração. Inclusive, uma pesquisa feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) diz que o Brasil é um dos países que menos forma engenheiros de todas as áreas, inclusive nessa. Ou seja, esta escassez começa nas universidades. Na maioria das vezes, por essa falta, as companhias e empresas acabam trazendo profissionais de outros países, como Canadá, Austrália e Chile. E a Uema entra nesse cenário como forma de atender essa demanda, de suprir essa falta de mão de obra qualificada na área”, destaca Ilka.
Acesse o site http://www.uema.br/pacep2014, escolha um dos cursos e faça a sua inscrição de 29 de setembro a 24 de outubro. O valor da inscrição é R$25,00. Todos os cursos são gratuitos e com duração média de 20 meses.
Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail pacep2014@uema.br e telefones: (98) 3276-9671/ 8191 0508 (Tim)/ 8905 0804 (Oi)/ 8426 4230 (Claro)/ 9213 1165 (Vivo).
As provas estão previstas para acontecer dia 07 de dezembro.
Como se inscrever no PACEP 2014
1º PASSO
Acessar o endereço eletrônico www.uema.br/pacep2014;
2º PASSO
Acessar o link Requerimento de inscrição;
3º PASSO
Preencher, conferir, confirmar e enviar online o requerimento de inscrição;
4º PASSO
Gerar o boleto bancário no endereço eletrônico acima mencionado;
5º PASSO
Efetuar o pagamento em qualquer agência do Banco do Brasil ou nos seus correspondentes bancários até o dia 20 de outubro de 2014, no horário de expediente bancário.

FONTE: UEMA - SÃO LUIS

1 de out de 2014

Aula inaugural do Curso de Tecnologia em Gestão Comercial no Centro de Estudos Superiores de Zé Doca - CESZD/UEMA

Aula inaugural  do Curso de Tecnologia em Gestão Comercial no Centro de Estudos Superiores de Zé Doca - CESZD/UEMA
 
A aula inaugural do Centro de Estudos Superiores de Zé Doca, aconteceu no dia 27.09.2014, com a presença da responsável pelo curso, professora Elda Cletânia Costa Fonsêca, que saudou todos os docentes, alunos e servidores.
 
O Tecnólogo em Gestão Comercial estará apto a atuar no varejo, gerenciando diversos tipos de organizações de forma empreendedora e inovadora, utilizando ferramentas de marketing, vendas, recursos humanos, logística, gerenciamento de cursos e finanças.
A Profª. Elda Fonsêca, realizou um discurso de estímulo aos alunos. “ É dever da Universidade promover a educação, mas também é obrigação dos alunos levar adiante este trabalho que estamos propondo. Vamos explorar este curso, não pensem que o sucesso tem que chegar até vocês, é necessário que se esforcem e mostrem que são capazes. O sucesso é uma consequência.

O objetivo do curso é capacitar profissionais para atuar em transações da organização, atendendo às diversas forma de intervenção, sendo conhecedor das condições de viabilidade econômico-financeiro-tributário, instrumentos de relacionamento com o cliente, bem como dos princípios da qualidade, atuando no planejamento, operação, implementação e atualização do sistema de informação comercial. 

Fotos:

Tutor Presencial José Lucas e a Responsável pelo Curso Elda Fonsêca...